Saldo positivo: UFJF encerra Pism com maior número de inscritos da história do programa

Saldo positivo: UFJF encerra Pism com maior número de inscritos da história do programa

A Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) encerrou neste domingo, 10, o segundo e último dia de provas do Programa de Ingresso Seletivo Misto (Pism) 2024. A edição termina com o registro do maior público já registrado pelo programa, com mais de 43.700 inscrições. As provas foram aplicadas nas cidades de Juiz de Fora, Governador Valadares e Muriaé, em Minas Gerais, e Petrópolis e Volta Redonda, no estado do Rio de Janeiro. 

De acordo com o primeiro balanço divulgado pela Coordenação Geral de Processos Seletivos (Copese) após o último dia de prova, o número de ausências foi baixo, assim como no primeiro dia. No domingo, foram 5.891 estudantes faltosos, o que representa 13,47% do total de inscritos. O índice é semelhante ao registrado na edição de 2023, quando o programa contabilizou menos participantes (34.544 inscritos) e uma taxa de ausência no mesmo patamar (13,3%). 

Em Juiz de Fora eram esperados 23.101 inscritos e apenas 2.821 (12,21%) não realizaram os exames em um dos dois dias de prova. No caso de Governador Valadares, 7.313 estudantes eram esperados para prestarem o exame e 1.076 (14,71%) faltaram às avaliações. O maior índice percentual de ausências foi registrado em Petrópolis – na cidade da região serrana do estado do Rio de Janeiro eram esperados 4.886 alunos e foi registrada a ausência de 766 pessoas (15,68%).

O candidato que não esteve presente em um dos dois dias de aplicação de provas está automaticamente excluído do concurso.

Na avaliação da vice-reitora da UFJF, Girlene Alves, o resultado final após os dois dias de exame foi satisfatório, principalmente se for considerado o recorde no número de inscritos desde o início da realização do programa. 

“A Universidade se organiza em uma parte considerável do ano letivo para que, neste momento, a gente possa acolher da forma mais cuidadosa, não só aos candidatos, mas também aos seus familiares. Espero que todos tenham tido a tranquilidade necessária para concluírem esta etapa.”

Provas do domingo

Assim como no sábado, 9, os portões foram fechados às 13h, conforme previsto no Edital, e as provas aplicadas entre 13h30 e 17h30. Os participantes dos Módulos I e II responderam a questões objetivas e discursivas de Literatura, Biologia, Física e História. 

Para a estudante Yasmim Paixão, chegar com antecedência foi fundamental fazer bom exame (Foto: Carolina de Paula/UFJF)

Já os concorrentes do Módulo III responderam a questões objetivas de Física, Química, Geografia e História. Postulantes a cursos das áreas de Economia e Administração e Humanas tiveram questões discursivas de Geografia, História e Filosofia. Os estudantes que concorrem a vagas em cursos das áreas de Exatas e Saúde responderam a questões discursivas de Física e Química. 

O otimismo esteve presente entre os candidatos ouvidos pelo Portal da UFJF após o término do segundo dia de provas. Para Yasmim Paixão, que concluiu o Módulo III e deseja cursar Engenharia de Produção, chegar com antecedência ao local de prova foi importante para fazer um bom exame. “A prova mais tranquila de hoje foi a de Química, principalmente nas questões sobre equilíbrio químico. Em relação às outras matérias, queria que caísse circuitos em Física e caiu, então acho que fui bem.”

O estudante Gabriel Furtado tem habilidade com temas relacionados a fatos e acontecimentos históricos: “Caiu muito isso nas provas” (Foto: Carolina de Paula/UFJF)

O estudante Gabriel Furtado, que deseja ingressar no curso de Psicologia, conta que tem habilidade com temas relacionados a fatos e acontecimentos históricos – assuntos que constaram no exame. “Caiu muito isso nas provas, principalmente em História, Geografia, Português e Literatura”. 

Na avaliação dos candidatos ouvidos pela reportagem, as provas de Língua Portuguesa e Literatura apresentaram um enfoque maior em leitura e interpretação de texto. Já os candidatos que finalizaram o Módulo III na área de Exatas relataram terem se deparado com temas como equilíbrio químico, circuitos elétricos e polinômios.

O estudante Matheus Oliveira planeja ingressar na graduação em Engenharia Mecânica e faz o Ensino Médio Técnico no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sudeste de Minas Gerais (IF Sudeste), em Juiz de Fora. Para ele, o trabalho desenvolvido pelos seus professores colaborou para que tivesse um desempenho que considerou positivo nas provas deste domingo. 

Para o estudante Matheus Oliveira, preparação realizada por seus professores no Ensino Médio Técnico foi importante (Foto: Carolina de Paula/UFJF)

“Na Física, a parte de circuitos é a mais abordada no meu curso técnico de Eletromecânica. Acho que consegui a nota que eu precisava para ir bem e cursar Engenharia Mecânica aqui.”

Recepcionistas relatam experiências 

Durante os dois dias de realização do Pism, candidatos e acompanhantes puderam contar com o apoio da equipe de recepção, que ficou posicionada nos locais de aplicação das provas. A equipe foi formada por 116 pessoas, entre alunos, servidores técnico-administrativos em Educação (TAEs) e profissionais terceirizados da UFJF. Os recepcionistas esclareceram informações relacionadas a documentação, critérios exigidos durante a aplicação das provas, além de encaminhar os candidatos aos locais de realização do exame, dentre outros serviços. 

O estudante de Jornalismo Rodrigo da Cruz atuou na equipe de recepção: grupo deu orientações aos candidatos e familiares (Foto: Arquivo pessoal)

Neste domingo, 10, segundo dia de provas, os recepcionistas realizaram seu trabalho com maior tranquilidade, devido à orientação prévia dada aos candidatos no dia anterior. Em meio ao trabalho, integrantes da equipe lidaram com situações marcantes. 

Uma delas foi vivenciada pelo estudante de Jornalismo Rodrigo Emanuel da Cruz. Ele recorda uma família de outra cidade de Minas Gerais, que se deslocou em peso até Juiz de Fora para apoiar a jornada de um dos estudantes. 

“Vieram o pai, a mãe e o irmão para o local de prova. Eles torceram e vibraram na hora em que o filho entrou na sala, além de rezarem juntos para que tudo pudesse ocorrer bem. Foi legal ver essa união da família, incentivando o menino a seguir o sonho dele”, conta. 

Outro episódio é de uma candidata que chegou às 12h59 à entrada da Faculdade de Medicina, mas cujo local de prova era na Faculdade de Fisioterapia. Diante do nervosismo da estudante, o recepcionista encaminhou rapidamente a aluna até a sala. 

“Trabalhando no receptivo, percebi como é legal esse serviço da UFJF, de ter essa equipe para as pessoas poderem se orientar. Também contribui para a fluidez do trânsito dentro da Universidade e faz com que os pais consigam tirar dúvidas. Todo mundo ficou mais tranquilo, é algo muito bacana.”

Para a estudante do ICH, Maysa Araújo, a preocupação de familiares foi marcante (Foto: Iris Faria/UFJF)

Já a estudante do Instituto de Ciências Humanas (ICH), Maysa Araújo, trabalhou na recepção do atendimento especializado, que presta auxílio para os candidatos com deficiência e outras necessidades. A preocupação dos pais de uma candidata com diabetes com o bem-estar da filha chamou a atenção da recepcionista. 

“Esta é a segunda vez que eu estou no receptivo do Pism. É a primeira vez no campus da Universidade, e achei bem diferente, porque chega um certo horário em que o fluxo fica uma loucura no primeiro dia. Muita gente acaba confundindo os prédios, porque eles estão perto uns dos outros, e também procuram lugares para lanchar ou almoçar”.

Pesos das provas variam de acordo com o módulo

Nas provas dos três módulos do Pism, cada questão objetiva tem valor de um ponto. As questões discursivas valem cinco pontos, cada. A classificação final dos candidatos do Pism III será obtida por meio do somatório das notas conquistadas nos três módulos. Cada ano tem peso diferente na contagem final. 

As questões do Módulo I, somadas, valem 120 pontos. Esses pontos são multiplicados por 2 (peso x2). Ou seja, o valor total é de 240 pontos. As questões do Módulo II, somadas, também valem 120 pontos, mas o peso é maior: cada ponto  obtido pelo candidato é multiplicado por 3 (peso x3). Dessa forma, o valor total do Módulo II é de 360 pontos.

No último ano, o candidato já escolheu o seu curso e as provas discursivas são direcionadas para a sua respectiva área de conhecimento. Este é o módulo com maior peso: as questões somadas valem 140 pontos, que são multiplicados por 5 (peso x5). Assim, o Módulo III tem valor total de 700 pontos, o que equivale a quase 54% do total de pontos dos três módulos do Pism (1300 pontos). Por isso, é importante que o estudante faça as provas dos três módulos, independentemente de ter obtido um resultado não favorável em algum ano do Pism, uma vez que há chance de recuperação da nota. 

Recursos

Pedidos de recurso relacionados às formulações das questões e aos gabaritos de cada prova devem ser protocolados exclusivamente pelo candidato na segunda-feira, 11, para provas dos três módulos, das 9h às 16h. As solicitações devem ser feitas on-line, na Área do Candidato, por meio de formulário próprio. 

É importante destacar que o pedido de recurso só será analisado se estiver devidamente preenchido, incluindo as razões específicas para cada questão ou gabarito contestado. Este processo visa garantir a transparência e a justiça na revisão das avaliações, assegurando que as contestações sejam fundamentadas e passíveis de análise pela banca examinadora.

O resultado dos recursos e o gabarito oficial serão divulgados até o dia 19 de fevereiro de 2024, no site da Copese. Após a decisão final, não cabe recurso. 

Divulgação das notas

As notas das provas e o resultado final do Módulo III serão divulgados em 31 de janeiro e 28 de fevereiro de 2024, respectivamente. 

Já as notas das provas dos Módulos I e II serão divulgadas em 22 de março de 2024. O resultado final dos exames ficará disponível em 5 de abril de 2024. As informações serão disponibilizadas no site da Copese

Acompanhe a UFJF nas redes sociais

Facebook: UFJFoficial

Instagram: @ufjf

Twitter: @ufjf_

Youtube: TVUFJF